A ação teve como objetivo ver estratégias para alcançar a certificação outorgada pela ATRICON / Divulgação

A Controladoria e Ouvidoria Geral de Juazeiro realizou, nessa quarta-feira, 21, um debate junto aos servidores que compõem o corpo de transparência do site do Município. O debate foi sobre a cartilha “Acesso à informação na prática”, da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas (ATRICON).

A ação, além de debater sobre a fiscalização em curso que o Programa Nacional de Transparência Pública tem realizado nos municípios, teve como objetivo ver estratégias para alcançar a certificação outorgada pela ATRICON. No ano de 2021, Juazeiro do Norte conseguiu 88 dos 100 pontos possíveis, atingindo uma pontuação superior à média nacional. De acordo com a Controladoria, em 2023, o objetivo é avançar ainda mais.

De acordo com Armando Amaro, representante do sistema Assessi, uma das formas de identificar as falhas foi desenvolver uma Inteligência Artificial que, cotidianamente, analisa os pontos a serem melhorados no site.

 “Vamos ser criteriosos e não faremos vista grossa no que precisa melhorar”, afirma Amaro

Segundo Maria do Socorro dos Santos, administradora pública, para o cumprimento dessas novas metas, é necessário espelhar as informações fornecidas no site com a cartilha da ATRICON. 

“Temos que olhar cada ponto e melhorar, afinal o acesso à informação é direito de toda a população”, destaca Socorro

Os representantes das secretarias reafirmaram que essa é uma atividade coletiva, que necessitará do esforço de cada um. Eles também aproveitaram o momento para tirar suas dúvidas acerca das exigências da nova cartilha. Segundo Ivan Figueiroa, Controlador e Ouvidor Geral, a meta é chegar na última etapa desse processo, culminando na Certificação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *